web analytics

Gota – Sintomas e Tratamento

     

A Gota é uma inflamação metabólica que atinge pessoas com alto nível de ácido úrico no sangue, um produto natural do organismo formado a partir de uma substância chamada purina.

Evelin Goldenberg, professora de Clínica Médica da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e reumatologista do Hospital Albert Einstein afirma que esse índice de ácido úrico não deve ultrapassar o nível máximo de 6,8 mg por 100 ml de sangue.

Processo inflamatório da Gota

O excesso dessa substância pode virar cristais, que vão sendo depositados nas articulações e podem levar a um intenso processo inflamatório, com inchaço das juntas. E pelo menos 20% dos casos de ácido úrico elevado geram um estado dolorido, conhecido como gota”, diz a especialista. O quadro típico é de dor súbita e martirizante, inchaço, vermelhidão, elevação de temperatura e rigidez na articulação. Febre leve também pode estar presente.

 

Sintomas da gota

Gota

Gota

 

Gota úrica geralmente ataca o dedão do pé (aproximadamente em 75% dos casos), porém também pode afetar outras articulações no tornozelo, calcanhar, joelho, ombro, dedos, etc.

Em algumas ocasioes pedras de ácido úrico podem se formar nos rins.

 

O que é ácido úrico ?

Quando as células do corpo são destruídas para que novas células se instalem no organismo, os núcleos de cada uma eliminam substâncias que devem ser excretadas pelo corpo. O ácido úrico é uma delas e deve ser jogado fora pela urina.

 

O que é gota?

A gota acontece quando há um acúmulo de ácido úrico no sangue. Isso pode acontecer tanto pela produção excessiva quando pela eliminação deficiente da substância.

Com o aumento da concentração de ácido úrico no sangue, ocorre a deposição de cristais nos tecidos, principalmente nas articulações, causando inflamação. Se não tratada a tempo, a gota pode debilitar órgãos como os rins.

Os cristais de ácido úrico se depositam nos rins produzindo alterações funcionais desse órgão. Pode haver formação de cálculos, produzindo cólicas renais. Também podem ocorrer depósitos de cristais debaixo da pele, formando protuberâncias localizadas nos dedos, cotovelos e orelhas. São os chamados tofos.

Acima de que nível de concentração no sangue podemos dizer que o ácido úrico está elevado, em indivíduos do sexo masculino e feminino?

O aumento da concentração de ácido úrico no sangue (HIPERURICEMIA), é definido como um nível de ácido maior que 7,0 mg/dl em homens e maior que 6,0 mg/dl em mulheres. Qual a incidência da Gota ? É mais comum nos homens ou nas mulheres ?

Dois por cento da população mundial sofre de gota; Entre os doentes, há uma mulher para cada oito homens. A gota é a causa mais comum de inflamação da articulação em homens acima de 40 anos de idade. Na mulher é uma doença rara. Sua incidência aumenta após a menopausa.

 

Como é a crise aguda de gota?

É típico que as primeiras crises acometam somente uma articulação (85% dos casos). Iniciam-se abruptamente, geralmente durante a noite ou de madrugada. A articulação envolvida torna-se dolorosa, quente, avermelhada e inchada.

Pode ocorrer febre baixa. As primeiras crises normalmente se resolvem espontaneamente em 3 a 4 dias. Se a gota não for tratada com atenção desde sua primeira manifestação, é possível que a doença atinja outras articulações e se torne crônica, com crises permanentes.

A chamada gota crônica é o estágio mais sério da doença, pois as complicações já se instalaram em outros órgãos do corpo, além das articulações. Neste caso, podem surgir por exemplo deformidades e defeitos irreversíveis nas articulações.

 

Quais são as articulações mais afetadas na gota?

A articulação do pé, por ser naturalmente desprotegida, é geralmente a primeira a ser atingida pela gota. A dor é aguda e súbita e a região onde a crise acontece fica vermelha e muito inchada. Os sintomas da primeira manifestação da doença duram entre três e quatro dias.

Se não for feito um tratamento devido desde a primeira manifestação da gota, as crises continuarão e poderão atingir outras articulações como as do joelho. As articulações do dorso do pé, tornozelos, dedos, punho, cotovelo, mãos e ombros também poderão ser atingidas.

 

Alívio pela alimentação

A gota é uma forma de artrite causada quando o organismo não metaboliza convenientemente as purinas (substâncias geradoras de ácido úrico) presentes nos alimentos ou fabricadas pelo organismo.

Pode ser desencadeada por fatores hereditários, obesidades ou, ainda, excessos na alimentação e ingestão de bebidas alcóolicas.

A dieta deve ser rica em carboidratos (pães, massas, arroz, batata, etc…) e pobre em gorduras.Consuma moderadamente carnes, peixes e aves; espinafre, aspargos, cogumelos, ervilhas secas, lentilhas e seus derivados. Consuma sem restrições: queijos, ovos, leite e vegetais.

Tome bastante líquido para facilitar a excreção de ácido úrico. Evite o consumo de: caldo de carne, mexilhões, sardinha, embutidos, miúdos, fermentos de pães e cerveja.

 

Dicas importantes

– A dieta para pessoa com gota deve ser moderada em proteínas, rica em carboidratos e relativamente pobre em gordura e deve incluir alimentos com baixos teores de purina.

– O consumo de gorduras deve ser reduzido pois o excesso diminui a excreção de ácido úrico.

– Evite o consumo de bebidas alcoólicas. O álcool precipita o ácido úrico, facilitando a formação de cristais.

– Líquidos como água e sucos devem ser ingeridos à vontade (mais de três litros por dia), o suficiente para que a urina esteja sempre clara. Isso facilita a excreção de ácido úrico e minimiza a possível formação de cálculos.

– É preciso lembrar que, fora das crises de dor, exercícios físicos são sempre necessários, mesmo que em pouca quantidade, pois não raro, há excesso de peso e vida sedentária entre as pessoas com gota. E a redução de peso é sempre útil e ajuda a reduzir a hipertrigliceridemia que existe em 75% dos pacientes com gota.

– Não fique longos períodos sem se alimentar. Quem fica muito tempo sem comer é candidato em potencial a ter uma taxa elevada de ácido úrico. Isso porque, em jejum, o corpo acaba degradando a proteína muscular como fonte de energia, gerando uréia como um dos seus subprodutos.

– Medicamentos, quando receitados, devem ser seguidos por todo o tempo recomendado, pois podem ter efeito incompleto se interrompidos.

– Para finalizar, é preciso ter em mente que a gota é uma doença crônica e grave, capaz de provocar muita dor e desconforto se não for tratada com seriedade pelo doente .

Por isso, é necessário tratar a doença, muitas vezes para o resto da vida. Portanto, o seu médico poderá lhe orientar nos exames necessários para avaliar o quanto de ácido úrico o seu organismo está formando e excretando e se você está ou não comendo demais alimentos com altos níveis de purinas.





Deixe seu Comentário »