web analytics

Daltonismo

     

John Dalton foi o primeiro cientista a ter interesse acadêmico no assunto de daltonismo. Ele nasceu 06 de setembro de 1766 em Eaglesfield, Inglaterra e morreu 27 de julho de 1844 de paralisia.

Um dos primeiros trabalhos científicos publicados por John Dalton foi intitulado “fatos extraordinários relacionados com a visão de cores” e lançado em 1793.

Iniciando sua carreira como um professor se interessou em meteorologia e matemática. Como Jonathan, seu irmão sete anos mais velho e John foram ambos afetados pela cegueira de cor vermelho-verde, ele também começou a fazer observações e pesquisas sobre a visão de cores.

“Essa parte da imagem que os outros chamam vermelho me aparece pouco mais do que uma sombra ou defeito de luz. Depois que o laranja, amarelo e verde parece uma cor que desce consideravelmente uniformemente de um intenso para um amarelo raro, fazendo o que eu deveria chamar diferentes tons de amarelo”.

Ele postulou que a escassez na percepção das cores era causada por descoloração do meio líquido do globo ocular chamado humor aquoso. De acordo com sua pesquisa, ele acreditava que era o humor aquoso era azulado e, portanto, filtradas todas as cores.

 

SUAS OBSERVAÇÕES ESCRITAS FORMAM A EXPRESSÃO DO DALTONISMO.

Daltonismo

Daltonismo

Através de sua vida, John Dalton foi um químico conhecido e respeitável e físico, e foi um dos primeiros defensores da teoria atômica. Uma de suas últimas vontades era fazer uma autópsia de seus olhos após a morte.










Infelizmente não houve qualquer tipo de líquido azulado encontrado. Foi a sua última experiência e provou que a doença chamada daltonismo não é causada pelo próprio olho, mas algum poder deficiente sensorial.

Daltonismo, cientificamente chamado de daltonismo é uma condição médica, um distúrbio da visão de cores, a incapacidade de distinguir algumas outras cores (especialmente vermelho para verde) como responsável para o receptor para o verde ou o vermelho não funciona em todos e assim as pessoas vêem em preto ou cinza.

Daltonismo é uma doença congênita causada por uma falha de uma porção da retina ou do nervo óptico. Embora a doença seja herdada na linha materna, especialmente os homens que sofrem de daltonismo.

Daltonismo pode ser corrigido, usando uma lente especialmente revestida.
Um daltônico pode viver de modo perfeitamente normal, desde que tenha conhecimento das limitações de sua visão.

O portador do problema pode, por exemplo, observar a posição das cores de um semáforo, de modo a saber qual a cor indicada pela lâmpada. Como na idade escolar surgem as primeiras dificuldades com cores, sobretudo em desenhos e mapas, os pais e professores devem estar atentos ao problema, evitando constranger e traumatizar a criança.

Pode ser frustrante para uma criança ter a certeza de que está vendo algo em determinada cor, enquanto todos os colegas e a professora afirmam que ela está errada.





Deixe seu Comentário »