Biologia & Vida

Visícula Biliar


A visícula biliar é um órgão pequeno que armazena e concentra bílis. A visícula biliar está ligada ao fígado através do ducto hepático.

Ela mede cerca de 3 a 4 polegadas (7,6 a 10,2 cm) de comprimento e cerca de 1 polegada (2,5 cm) de largura.

O que é a visícula biliar? A visícula biliar é também chamada de “bexiga”.

Qual é a sua função?

A função da visícula biliar é armazenar bile. A bile é um líquido digestivo secretado continuamente pelo fígado. O bile emulsifica gorduras e neutraliza os ácidos na comida parcialmente digerida. Às vezes, as substâncias contidas no bile na visícula biliar, formam os cálculos biliares. Essas pequenas concreções duras são mais comuns em pessoas com mais de 40 anos, especialmente em mulheres e obesos.

 

CONDIÇÕES E DOENÇAS DA VISÍCULA BILIAR

Visícula Biliar
Visícula Biliar

Eles podem causar inflamação da visícula biliar, uma doença que produz sintomas semelhantes aos de indigestão, especialmente após uma refeição gordurosa. Se uma pedra se aloja no ducto biliar, produz dor.

Cálculos biliares podem passar para fora do corpo espontaneamente, mas o bloqueio grave é tratado através da remoção da visícula biliar através de cirurgia.

 

COMO AS PEDRAS NA VISÍCULA PODEM PREJUDICAR AS PESSOAS?

O cálculo pode ficar “silencioso” dentro da vesícula sem provocar sintomas. Outras vezes, a pessoa pode ter sintomas leves como enjoo, dificuldade de digestão e desconforto após alimentações gordurosas.

Porém quando os cálculos obstruem os canais biliares, pode ocorrer infecção e até septicemia que é infecção generalizada. Se alguma pedra descer para o canal principal, elas podem obstruir o canal do pâncreas causando a pancreatite aguda, doença às vezes, de difícil controle.

 

REMOÇÃO DA VISÍCULA BILIAR

Em alguns casos, a vesícula biliar deve ser removida. A cirurgia para remover a vesícula biliar é chamada de colecistectomia. Em uma colecistectomia, a vesícula é removida através de um longo corte no abdômen.

Uma vez que a vesícula biliar é removida, a bile é entregue diretamente aos dutos do fígado para a parte superior do intestino.

 

COMPLICAÇÕES DA REMOÇÃO DA VISÍCULA BILIAR

As complicações são raras. Quando as complicações ocorrem, elas podem ser na forma de: hemorragia, infecção e lesão ao duto (tubo) que transporta bile da vesícula biliar para o estômago.

No entanto, como em qualquer outro procedimento cirúrgico, as complicações podem ocorrer, como o sangramento e a infecção. Menos comumente podem ocorrer lesões de órgãos vizinhos ou dos canais biliares.

               

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *